A nossa saúde mental vale muito

by - sábado, fevereiro 11, 2017




Acho que eu nunca mais falei de mim ou sobre o que tem se passado comigo ultimamente, o "papo de amiga" mais recente que tivemos foi o que eu falei das minhas metas para 2017. O mais irônico é que agora eu realmente preciso cumprir uma dessas metas, pois é de suma importância manter a calma. 


 Recentemente eu descobri que tenho vitiligo, uma condição que causa a despigmentação da pele pela a morte dos melanócitos pelos leucócitos em determinadas partes da pele. Pelo o que eu entendi, é como se os leucócitos, ao defenderem meu corpo, não reconhecem os melanócitos e por isso eles morrem, e já que a melanina que estão neles é quem dá a cor da pele da gente, em algumas partes que eles não existem mais a pele fica mais clara. 



Bem, quando eu finalmente assimilei isso tudo, me assustei muito. A primeira coisa que eu pensei foi: vou ficar toda branca, igual o Michael Jackson. Ignorante, eu não sabia de nada sobre o vitiligo e aí, há exata uma semana, eu estava nesta mesma hora chorando porque eu fui pesquisar no google e me assustei mais ainda. 

Eu estava desesperada. Sempre fui muito vaidosa e eu achei que aquele seria o fim do restinho de autoestima que eu tinha.Claro que agora eu não estou maravilhosamente bem comigo mesma, mas eu acho que eu já aceitei que eu tenho vitiligo. E eu sempre tento ser positiva sobre isso. Que não vai se espalhar, que a minha é focal, ou seja, só  umas bolinhas simétricas em algumas partes do meu corpo.
Eu estou fazendo o tratamento e é isso, por enquanto. Às vezes eu penso "ah e se o médico errou ? Se não for?", eu acho que sou eu tendo esperança, mas tudo bem! 



Mas o foco da conversa de hoje não é vitiligo, e sim a importância da higiene mental! Entendam que o vitiligo (EM MIM!!!) é uma forma de manifestação do meu corpo de que algo não vai bem na minha mente. Trata-se de doença psicossomática, causada pela somatização de estresse. Em mim surgiu na forma das manchas brancas na pele, dor de cabeça, e no caso de ontem, febre. Acontece que eu sempre fui muito preocupada, nervosa, estressada e ansiosa, mas sempre deu para controlar isso. Só que chega um ponto que as coisas se acumulam e não dá para manter tudo bem.


Vejam bem, é normal ficar estressado, nervoso, ansioso, faz parte! Não é normal é sempre dormir preocupado com alguma coisa, nervoso, ansioso, sacam?

Por isso, leitora ou leitor, deem a devida importância para a sua mente! Eu já tinha notado que eu não estava bem, mas eu ignorei isso, achava que era frescura, eu nunca tive paciência comigo mesma para dar importância até ter uma crise. E, gente, eu tenho 22 anos! 


Então, NÃO ESPEREM AS COISAS PIORAREM, NÃO ESPEREM VOCÊS CHEGAREM AO LIMITE, NÃO ESPEREM VOCÊS CHORAREM TODA VEZ QUE VAI ESTUDAR PARA UMA PROVA! 

Nada, NADA, nem curso, nem provas, sociedade nenhuma vale a nossa saúde. 

Pode ser que nunca mais apareçam manchas brancas na minha pele, pode ser que apareçam mais, mas o que importa é que: eu vou superar. 
P.S.: Tem um post do buzzfeed maravilhoso que são dicas sobre saúde mental. O link está AQUI.

You May Also Like

0 comentários